Sul de Minas é rota turística e de encontro para profissionais em seminário médico


Seminário que vai reunir especialistas do sistema digestório no Sul de Minas Gerais indica programação turística para os participantes do encontro científico. Campos do Jordão, Poços de Caldas e Monte Verde são destaques do roteiro sugerido

A Europa no Sul de Minas e interior de São Paulo: cidades de Campos do Jordão, São Lourenço, Monte Verde e Poços de Caldas (Wikimedia Commons)

Um dos destaques do X Seminário Mineiro de Gastroenterologia, Endoscopia Digestiva e Coloproctologia, além do time de especialistas que o encontro científico vai reunir nos dias 17 e 18 de agosto, é o local do evento, um dos cartões postais de Minas e São Paulo: as montanhas e estâncias hidrominerais da Serra da Mantiqueira.

Quem for participar da edição de 2018 do encontro médico, terá a seu alcance cidades como Campos do Jordão, Monte Verde e Poços de Caldas. Além do clima ameno, belíssimas paisagens e estâncias hidrominerais, esses municípios são considerados um pedacinho da Europa no Brasil, seja pelo clima frio e vegetação típica do velho continente, seja pela arquitetura inspirada nos alpes europeus. Todas elas estão a um raio de 100 quilômetros do local do evento, em Pouso Alegre (MG). Quem preferir, já pode programar seus momentos de lazer com o auxílio da Outback, agência de turismo oficial do evento.

Monte Verde

Via central de Monte Verde (Wikimedia Commons)

Entranhado na Serra da Mantiqueira, o bucólico distrito de Monte Verde traz as baixas temperaturas, a diversidade de passeios, restaurantes e seus famosos rodízios de fondue e comidas típica alemã como cartão de visitas. A 1,6 mil metros de altura, o turista vai ser recebido com hospitalidade mineira na ‘Vila’, como é conhecida por seus cerca de 5 mil moradores. Nos chalés, hotéis e pousadas vai conhecer o aconchego da arquitetura das montanhas europeias, resquício da origem de seus fundadores, vindos da Letônia.

Poços de Caldas

Pedra do Balão em Poços de Caldas (Wikimedia Commons)

A primeira estância hidromineral da América Latina, Poços de Caldas é, certamente, uma das mais conhecidas cidades turísticas de Minas Gerais. Outra cidade fincada no cume da Serra da Mantiqueira, a 1,3 mil metros de altitude, tem em suas águas termais um de seus principais atrativos. De origem vulcânica, as águas aquecidas podem ser apreciadas na Thermas Antônio Carlos, num prédio dos anos de 1930. A especialidade da casa é o banho sulfuroso, recomendado para pessoas com artrite, e descrito por Olavo Bilac em seus poemas. Pelas praças da cidade estão espalhadas várias fontes, cenário escolhido para ambientar cidades fictícias de marcantes novelas da Rede Globo.

A cidade possui ainda um abundante patrimônio histórico. Refúgio do imperador dom Pedro II, recebe o turista com um charme que resgata os tempos nos quais a nobreza brasileira transitava nas termas e casarões locais. Com gastronomia diversificada, clima ameno e ambiente tranquilo, a cidade é um convite à contemplação.

Campos do Jordão

Vista de Campos do Jordão (Wikimedia Commons)

A ‘Suíça Brasileira’, como é conhecido Campos do Jordão, é uma instância climática oficialmente reconhecida pelo governo de São Paulo. Trata-se do município com a sede administrativa mais elevada do país, atingindo 1.628 metros acima do nível do mar, onde está localizada a prefeitura da cidade. A altitude local pode ultrapassar os 2 mil metros. Aliado às construções em estilo europeu, o clima faz da cidade um dos principais destinos turísticos do inverno brasileiro. Visitar Campos do Jordão é estar em contato com uma natureza exuberante e um clima reconhecido internacionalmente como um dos melhores do mundo.

Circuito das Águas

Parque das Águas em Caxambu (Wikimedia Commons)

Outra opção turística interessante para os participantes do Seminário é o circuito turístico das Águas da Mantiqueira. Nele, se destacam as cidades de Caxambu e São Lourenço. Os municípios são o passeio ideal para quem está em busca da cultura mineira, com aconchego, cercado de muito verde, pão de queijo e café.

Em São Lourenço, podemos destacar passeios de balões, a Maria fumaça, banhos de espuma com água sulfurosa, rotas em parques com fontes de água, fazendas de café, e a visita a sítios com diversos animais. Já em Caxambu, destacam-se as piscinas e fontes de água natural, que podem ser acessadas por qualquer visitante. Quadras de esportes, teleférico, passeios de charretes, mirantes, igrejas e, assim como em São Lourenço, diversas lojas de artesanatos e lanchonetes com os mais variados aromas de doces, cafés e queijos.

Balneário em São Lourenço (Wikimedia Commons)

No site do seminário (seminarioapdigestivo.com.br) é possível conhecer mais sobre cada uma das cidades e ver as opções de passeio oferecidos pela agência de turismo oficial do evento, a Outback. Os passeios estão agendados paras os dias 15 e 16 de agosto.

Serviço: X Seminário Mineiros de Gastroenterologia, Endoscopia Digestiva e Coloproctologia

Onde: Pouso Alegre (MG) | Marques Plaza Hotel

Quando: 17 e 18 de agosto de 2018

Site do evento: www.seminarioapdigestivo.com.br

#Cidade

Editado por Capitólio Ass. E. R. Públicas
Redação: (35) 3422-2653
redemoinho24@gmail.com
Comercial: (35) 99931-8701 | (35) 3422-2653
comercialredemoinho24@gmail.com