Mensagem racista é deixada em banheiro de faculdade em Pouso Alegre


Frase foi escrita em banheiro de faculdade provavelmente na manhã desta terça (23)

O acirramento da corrida eleitoral para a Presidência da República tem exaltado os ânimos em diversas partes do país. Entre as manifestações, porém, surgem posicionamentos de ódio. Um deles ocorreu no banheiro de uma tradicional faculdade de Pouso Alegre, onde foi deixada uma mensagem racista: "Lugar de negro é na Senzala. Viva o Mito", em uma suposta referência ao presidenciável Jair Bolsonaro (PSL).

A ocorrência gerou protestos nas redes sociais, entre alunos e ex-alunos da instituição de ensino, que se manifestou por meio das redes sociais. Segundo a instituição, um boletim de ocorrência foi feito e, embora o local não possua câmeras de vigilância, o trabalho para identificar o responsável já começou. A instituição ainda repudiou o ato. "Vamos levantar juntos essa bandeira: RACISMO NÃO!", conclui a publicação.

Nas redes sociais, abriu-se um acalorado debate sobre quem teria sido o autor da frase, contrapondo os partidários do candidato petista Fernando Haddad e de Bolsonaro.

Crimes de ódio com motivação eleitoral

Em todo o país, manifestações, agressões e até assassinatos ligados à onda eleitoral de ódio se avolumam. A Fundação Perseu Abramo criou um mapa onde lista 83 ocorrências entre 1º e 15 de outubro. Cerca de setenta destas foram direcionadas ao público LGBTT, negros, mulheres ou eleitores petistas. Confira aqui o mapa

Confira a íntegra da publicação oficial da faculdade:

É pessoal, hoje infelizmente a FDSM foi vítima de uma atitude de vandalismo e pensamento racista com o qual JAMAIS compactuamos. A pessoa que cometeu o crime ainda não foi identificada, mas estamos trabalhando para isso.

Anteriormente fizemos uma nota mais genérica para expressar o nosso repúdio a qualquer tipo de preconceito, mas concordamos com vocês e vamos ser mais explícitos: NÃO TOLERAMOS RACISMO NA INSTITUIÇÃO!

Informamos que já acionamos a Polícia Militar e um Boletim de Ocorrência foi feito.

Infelizmente não podemos instalar câmeras no interior dos banheiros, local onde foi cometido o crime. Mas existem câmeras externas que nos ajudarão a identificar a pessoa autora do delito, e esta será punida por meio de processo administrativo da instituição.

Por fim, estamos com vocês e aderimos à campanha para repudiar qualquer crime de preconceito. Vamos levantar juntos esta bandeira: RACISMO NÃO!

#Política #Cidade

Editado por Capitólio Ass. E. R. Públicas
Redação: (35) 3422-2653
redemoinho24@gmail.com
Comercial: (35) 99931-8701 | (35) 3422-2653
comercialredemoinho24@gmail.com