Mulher é encontrada morta pela família. Corpo apresentava sinais de violência


A mulher de 43 anos foi encontrada morta em sua cama com sinais no pescoço que podem indicar esganadura. Havia sangue no chão do quarto. Polícia investiga o caso

Mulher de 43 anos foi encontrada morta em casa com sinais de violência (Imagem: reprodução Terra do Mandu)

Uma mulher foi encontrada morta em casa na tarde desta segunda-feira (26) no bairro São Cristovão. O corpo de Paula Cristina, de 43 anos, foi encontrado pela família, que passava na casa para visitá-la. Ela morava sozinha. O pescoço da vítima apresentava sinais que podem indicar esganadura e, o chão do quarto, havia vestígio de sangue.

Luiz Fernando, um dos irmãos, contou à imprensa que Paula usava drogas. Seu comportamento causava preocupação na família, que a visitava periodicamente para verificar suas condições de saúde. Na tarde desta segunda, os familiares realizavam mais uma visita. A mãe de Paula entrou no quarto da filha primeiro, mas estava escuro e ela não pode ver a filha já morta na cama. Foi quando o irmão entrou o descobriu o corpo. O irmão cria dois dos cinco filhos da vitima. Os outros três já são adultos.

A Polícia Civil já começou a investigar o caso. Os peritos estiveram no local e colheram evidências para embasar os trabalhos.

#DiaaDia

Editado por Capitólio Ass. E. R. Públicas
Redação: (35) 3422-2653
redemoinho24@gmail.com
Comercial: (35) 99931-8701 | (35) 3422-2653
comercialredemoinho24@gmail.com