Iniciada investigação sobre causas do incêndio no Supermercado Alvorada


Estabelecimento já está liberado para reabertura, o que pode ocorrer ainda esta semana. Autoridades não deram prazo para conclusão da perícia que pode apontar causas do incêndio

A Polícia Civil e o Corpo de Bombeiros já trabalham nas investigações que podem apontar as causas do incêndio que destruiu parte do depósito do Supermercado Alvorada, na noite de sexta-feira (11), em Pouso Alegre. As primeiras chamas foram avistadas por volta das 22h30. Não há prazo para conclusão da perícia.

Os bombeiros controlaram o fogo poucas horas depois, mas o trabalho de rescaldo só terminou na manhã seguinte. No momento do incêndio não havia nenhum funcionário no estabelecimento comercial.

O trabalho do Corpo de Bombeiros evitou que as chamas chegassem ao interior do supermercado e atingissem prédios próximos. O estabelecimento já foi liberado pelas autoridades para ser reaberto. Os proprietários acreditam que a reabertura ao público pode ocorrer ainda esta semana. Antes, deve ser feita uma limpeza profunda e a recuperação das áreas atingidas.

A avenida Vicente Simões, onde está localizado o supermercado, chegou a ter todo o quarteirão que a cerca, no entorno do estabelecimento comercial, interditado. Nesta segunda, apenas a calçada, em frente ao supermercado permanecia com acesso controlado.

Análise preliminar

Na análise preliminar, o Corpo de Bombeiros não encontrou nenhuma irregularidade no estabelecimento. “Aonde era para ser depósito estava sendo utilizado como depósito. Não tinha nada adaptado, estava cumprindo o que estava previsto no projeto”, apontou o tenente do Corpo de Bombeiros, Lincoln Ferreira de Azevedo.

Esse conteúdo foi útil para você? Curta nossa página no Facebook e fique por dentro de tudo que acontece em Pouso Alegre e região.

#Cidade #DiaaDia

Editado por Capitólio Ass. E. R. Públicas
Redação: (35) 3422-2653
redemoinho24@gmail.com
Comercial: (35) 99931-8701 | (35) 3422-2653
comercialredemoinho24@gmail.com