• Adevanir Vaz

Morre, aos 41 anos, o vereador Adelson do Hospital


Vereador mais votado na última eleição, Adelson estava internado desde 17 de maio na UTI do hospital da Unimed, em Poços de Caldas, devido a uma pneumonia que evoluiu para infeção pulmonar. A morte foi provocada por falência múltipla de órgãos

Morte do vereador foi confirmada por sua assessoria (Foto: reprodução de redes sociais)

Morreu no final da noite deste sábado (15) o vereador Adelson do Hospital. Internado desde 17 de maio no hospital da Unimed, em Poços de Caldas, o político e enfermeiro teve uma pneumonia que evoluiu para um quadro de infecção pulmonar provocada por uma bactéria. Durante a semana, seu estado, que já era grave, piorou, gerando boatos sobre sua morte.

Segundo a nota oficial postada pela assessoria do vereador, o tratamento contra a infecção não surtiu efeito e Adelson faleceu devido à falência de múltiplos órgãos.

Com 41 anos, Adelson dos Reis Matias atuava há 16 anos na área da saúde e fez carreira no Hospital das Clínicas Samuel Libânio (HCSL). Enfermeiro e especialista no segmento, ele dirigia a equipe de enfermagem da unidade de saúde e era um dos professores do curso mantido pelo Colégio João Paulo II, de propriedade da Fundação de Ensino Superior do Vale do Sapucaí (FUVS), que também mantém o HCSL.

O enfermeiro entrou para a política em 2016. Assim como o prefeito Rafael Simões (PSDB), que à época presidia a FUVS, ficou conhecido por sua atuação no HCSL, ganhando a alcunha de Adelson do Hospital. A identificação com o trabalho bem avaliado na unidade de saúde redeu-lhe a maior votação entre os vereadores da atual legislatura: 2.148 votos.

#Política

Editado por Capitólio Ass. E. R. Públicas
Redação: (35) 3422-2653
redemoinho24@gmail.com
Comercial: (35) 99931-8701 | (35) 3422-2653
comercialredemoinho24@gmail.com