Gaeco apreende arsenal e desmonta rede de comércio ilegal de armas em Pouso Alegre e região


Investigações duraram cinco meses e chegaram a sete pessoas que abasteciam assaltantes da região com armas de alcance e calibre variados, incluindo algumas de uso restrito. 69 armas foram apreendidas

69 armas de diversos calibres e alcances foram apreendidas durante a operação desta quinta-feira, 28 - Foto: Gaeco Pouso Alegre

O Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado - unidade regional de Pouso Alegre-MG, desmontou uma rede de comércio ilegal de armas e munição em Pouso Alegre e outras quatro cidades destinado a abastecer princialmente assaltante que atuam na região.

Depois de cinco meses de investigação, uma operação foi deflagrada para cumprir nove mandados de busca e apreensão em Pouso Alegre, Monte Sião, Ipuiúna, Conceição dos Ouros e São João da Mata.

A ação foi desencadeada com a participação de um promotor e 50 policiais militares. Foram presas sete pessoas em flagrante, apreendidas 69 armas (longas e curtas, de diversos calibres, e munições, inclusive de uso restrito), além de sete máquinas de recarregar munição e dois silenciadores.

Prisão de assaltantes levaram à rede de comércio de armas

As autoridades passaram a suspeitar da existência do mercado ilegal de armas na região ao longo de algumas prisões de assaltantes. A partir de então, seguiram-se cinco meses de investigações até a operação deflagrada nesta quinta-feira, 28.

As investigações mostraram que algumas das pessoas engajadas no comércio ilegal de armas se passavam por atiradores, inclusive com registro, para fazer contatos e ampliar as vendas.

#DiaaDia

Editado por Capitólio Ass. E. R. Públicas
Redação: (35) 3422-2653
redemoinho24@gmail.com
Comercial: (35) 99931-8701 | (35) 3422-2653
comercialredemoinho24@gmail.com