"Na Mira" prende quadrilha por assaltos a propriedades rurais de Pouso Alegre e região


Polícia Civil realizou na manhã desta sexta operação contra quadrilha de assaltantes especializada em roubos a propriedades rurais

A Polícia Civil de Pouso Alegre desencadeou na manhã desta sexta-feira, 31, a operação 'Na Mira', ação policial que visa desbaratar uma série de crimes contra o patrimônio em Pouso Alegre e região. Ao menos 10 pessoas foram presas suspeitas de receptação ou de participar de roubos e furtos a propriedades rurais.

Leia também:

> Quadrilha presa em Pouso Alegre torturava idosos, vítimas frequentes dos assaltos na zona rural

> Pouso-alegrense é listado entre destaques jovens da revista Forbes

Entre os presos desta sexta-feira, estão suspeitos de participação em um assalto ocorrido no bairro das Cabritas, na zona rural de Pouso Alegre, no dia 7 de janeiro. A ação dos criminosos pode ter resultado na morte de Jandira Ribeiro da Costa, de 59 anos.

Jandira foi encontrada amarrada, de joelhos e já sem vida. Sua casa estava toda revirada. A principal suspeita da polícia era de latrocínio, roubo seguido de morte, mas laudo do IML apontou que Jandira teve um ataque cardíaco. Ainda assim, trabalha-se com a possibilidade de a ação dos bandidos ter desencadeado o problema. A família da vítima relatou que ela tinha problemas de saúde.

Trio preso no dia 17

No dia 17 de janeiro, a Polícia Militar já havia prendido três suspeitos de participarem do assalto à casa de Jandira. O trio pertenceria a uma quadrilha especializada nesse tipo de ação. As prisões foram realizadas no bairro Jatobá, após perseguição policial que contou com informações da inteligência da polícia, que dava conta da iminência de mais um assalto a propriedades rurais. Desta vez, porém, a polícia agiu antes e conseguiu interceptar a quadrilha.

A ação daquele dia levou os policiais a um depósito no bairro Jatobá que seria utilizado pela quadrilha para armazenar os insumos roubados. "Nesse local, a gente identificou mais um terceiro autor, que também foi preso pelo crime de receptação. Ele guardava consigo diversos materiais agrícolas, fertilizantes e outros implementos, que haviam sido subtraídos em uma ocorrência de furto registrada aqui na zona rural de Pouso Alegre", informou na ocasião o capitão Maximiliano da PM de Pouso Alegre.

Operação "Na Mira"

A operação desta sexta-feira é fruto das investigações iniciadas no início de janeiro. De acordo com a PC, as pessoas envolvidas nos roubos costumam agir com violência. Agridem, amordaçam e fazem ameaças. A ação dos bandidos se estenderia por Pouso Alegre e região, além de cidades do interior de São Paulo.

A Polícia Civil deve dar mais detalhes da operação em coletiva de imprensa que será realizada ainda nesta sexta-feira, 30.

#DiaaDia

Editado por Capitólio Ass. E. R. Públicas
Redação: (35) 3422-2653
redemoinho24@gmail.com
Comercial: (35) 99931-8701 | (35) 3422-2653
comercialredemoinho24@gmail.com