PM prende assaltante e recupera parte de material roubado em arrastão no Pantano


PM recuperou parte do dinheiro e pertences roubados durante arrastão de ontem no Pantano. Assaltante preso portava uma pistola 380 - Foto: PM

A Polícia Militar de Pouso Alegre prendeu um dos assaltantes que participaram de um arrastão na tarde de ontem, 04, no distrito de São José do Pantano, em Pouso Alegre, e recuperou parte do material roubado em seis estabelecimentos comerciais da região.

Leia também:

> Vitima de roubo atropela jovem que conduzia sua moto, furtada horas antes

> Teste para novo coronavírus em família isolada no HCSL dá negativo

Foram recuperados ao menos R$ 1,2 mil e seis celulares roubados durante a ação de ao menos dois assaltantes. Eles foram interceptados pela PM ainda na estrada do distrito, enquanto tentavam fugir em uma motocicleta roubada.

Ao avistarem os policiais, os bandidos abandonaram a moto e tentaram a fuga pela mata. O garupa, porém, um homem de 29 anos, foi pego antes que conseguisse se distanciair. O condutor conseguiu escapar.

Com o garupa, a polícia apreendeu uma pistola 380 e 15 cartuchos intactos. Graças à açã foram recuperados R$ 1,2 mil e celulares roubados durante o arrastão, além da motocicleta, que era furtada.

Dupla de assaltantes usou uma motocicleta roubada para praticar o arrastão - Foto: PM

O arrastão

O Distrito de São José do Pantano foi alvo de uma dupla de assaltantes que promoveu um arrastão em seis estabelecimentos comerciais da região na tarde de quarta-feira, 04.

Os criminosos agiram armados em uma motocicleta e atacaram um cartório, uma padaria, um mercado, pastelaria, posto de combustível e um bar.

A ação dos bandidos teria sido iniciada no cartório de registros do distrito. No local, eles renderam funcionários e clientes, que tiveram pertences e dinheiro levados. Levaram ainda o dinheiro do caixa do estabelecimento.

Os criminosos partiram então para a sequência do arrastão. Foram à pastelaria, à padaria, ao mercado e ao posto de combustível, segundo o portal. A última parada teria se dado já na estrada, quando eles entraram em um bar e levaram o dinheiro do caixa.

Em 25 de novembro do ano passado, o distrito já havia sido alvo de uma ação semelhante. Na região, que abriga 15 mil habitantes, não há posto de policia.

#DiaaDia

Editado por Capitólio Ass. E. R. Públicas
Redação: (35) 3422-2653
redemoinho24@gmail.com
Comercial: (35) 99931-8701 | (35) 3422-2653
comercialredemoinho24@gmail.com