Servidores municipais pedem reajuste de 10% sob salários e R$ 55 no cartão alimentação


Servidores votam itens da pauta de reivindicação da campanha salarial da categoria em Pouso Alegre - Foto: Sisempa

Os servidores municipais de Pouso Alegre se reuniram na noite desta quarta-feira, 11, em assembleia geral, convocada pelo Sisempa - sindicato que representa a cateoria, para definir a pauta de reivindicações da Data-base 2020. No encontro, ficou definido que a categoria pedirá à Prefeitura reajuste de 10% sobre seus vencimentos, de R$ 55 sobre o cartão alimentação e R$ 50 sobre o cartão de natal.

A pauta de reivindicações da categoria tem outros 13 itens, entre eles o 16º, que pede a realização de concurso público e o fim da terceirização. Os servidores presentes votaram os itens de forma individual e todos foram aprovados de forma unânime.

Para o presidente do Sisempa, Leon Camargo, a hora é de se sentar à mesa e negociar com o Executivo:

Ano passado obtivemos algumas vitórias na data-base, mas foi um ano difícil. O Executivo tem se mostrado cada vez menos disposto a dialogar, além de manter uma agenda anti-servidor com enormes prejuízos à categoria. Esperamos que este ano haja uma disposição maior para ir à mesa de negociações. Ainda é tempo de discutir melhorias reais na remuneração, condições de trabalho e no modo como os servidores de Pouso Alegre vêm sendo tratados. Quem ganha com isso é a qualidade do serviço público, é a população”, disse.

Na tarde desta quinta-feira, 12, um ofício contendo as reivindicações dos servidores foi encaminhado à Prefeitura de Pouso Alegre. Nele, o sindicato pede que a reunião para discutir a Data-base 2020 seja marcada com urgência, “em virtude do curto prazo para envio das decisões à Câmara Municipal, em função do calendário eleitoral”, anota o documento.

Confira a íntegra das reivindicações dos servidores para a Data-base 2020:

1. Reajuste no salário base de 10% (dez por cento);

2. Reajuste no cartão alimentação de R$ 55,00 (cinquenta e cinco reais);

3. Reajuste no cartão de natal de R$ 50,00 ( cinquenta reais);

4. Elevação do teto de recebimento do vale transporte para até R$ 1.600,00 (mil e seiscentos reais);

5. Concessão de subsídio odontológico no valor de R$ 25,00 ( vinte e cinco reais);

6. Reajuste no prêmio de conservação de veículos de 10% (dez por cento);

7. Reconhecimento do direito de receber o adicional de insalubridade no valor de 40% (quarenta por cento) para as cozinheiras e auxiliares de cozinha;

8. Implantação do adicional de penosidade para monitoras;

9. Pagamento de adicional de 100%(cem por cento) do valor sobre as horas para quem trabalha em dias de ponto facultativo, feriado e domingo;

10. Reconhecimento do direito ao prêmio de conservação de veículos aos Agentes de Trânsitos;

11. Elevação do nível de todos os segmentos do funcionalismo que hoje não estão sendo beneficiados pela progressão funcional para um nível que possibilite receber o benefício no próximo triênio;

12. Reconhecimento do direito de receber o adicional de insalubridade aos profissionais da Secretaria de Políticas Públicas que referenciam o mesmo público da Secretaria de Saúde;

13. Implantação do plano de qualificação, capacitação e qualidade de vida no trabalho;

14. Fornecimento de uniformes, EPI’s, tendas, mesas, cadeiras e banheiros químicos para equipes que trabalham em locais que não forneçam a estrutura mínima para alimentação e necessidades fisiológicas;

15. Mesa permanente de negociação com reuniões mensais;

16. Realização de concurso público e fim das terceirizações.

#Política

Editado por Capitólio Ass. E. R. Públicas
Redação: (35) 3422-2653
redemoinho24@gmail.com
Comercial: (35) 99931-8701 | (35) 3422-2653
comercialredemoinho24@gmail.com