Investimentos no Centro vão começar pela Adolfo Olinto, que terá ares de shopping a céu aberto

Obras de R$ 1,3 milhão serão licitadas dia 2 de julho e integram conjunto de intervenções no Centro com financiamento de programa do governo federal lançado ainda na administração de Michel Temer




A Prefeitura de Pouso Algre anunciu nesta segunda-feira, 29, que as obras de requalificação do centro da cidade, anunciadas no ano passado, vão começar pela Rua Adolfo Olinto. A via deve receber um investimento de pouco mais de R$ 1,3 milhão e deve ganhar ares de um shopping a céu aberto, abraçando um projeto defendido há tempos pelos comerciantes locais.


No informe enviado à imprensa, a Prefeitura explicou que o início das obras pela Adolfo Olinto considerou o fato de os comerciantes locais já estarem trabalhando com o Sebrae em um estudo sobre ruas compartilhadas com o trânsito e pedestres, em uma espécie de shopping a céu aberto.



Leia também:

Pedestres e carros vão estar no mesmo nível em projeto da Adolfo Olinto - Imagem: divulgação


O projeto prevê alargamento de calçadas, nivelamento do piso da via (de modo a torná-la plenamente acessível), instalação de pequenas praças de convivência ao longo da rua com mobiliário urbano, paisagismo e iluminação.


Mas para que as obras saiam do papel, a prefeitura terá que realizar e concluir o processo licitatóro, marcado para do dia 2 de julho. Após a concorrência pública, a prefeitura afirma que as obras terão duração de três meses.


Para o superintendente de projetos da Prefeitura, José Carlos, as obras de requalificação do centro trarão mais conforto para seus frequentadores e vão reforçar a vocação comercial do trecho, umas vez que "estabelece o centro como um polo comercial da cidade, fornecendo conforto e confiança para seus usuários.


Intervenções em outros trechos do centro

A intervenção na Adolfo Olinto é parte de um projeto maior, anunciado pela prefeitura em junho de 2019, com recursos de pouco mais de R$ 10 milhões, obtidos por meio de financiamento no programa Programa Protransportes/Avançar Cidades-Mobilidade, do Ministério do Desenvolvimento Regional.


A proposta foi apresentada e discutida com a Acipa, a Associação do Comércio e Indústria da cidade, ainda no segundo semestre do ano passado. Ao anunciá-lo, em 2019, a prefeitura projetou obras para a rotatória de acesso ao São Geraldo, na Avenida Perimetral, Praça Senador Eduardo Amaral, Avenida Doutor Lisboa, praças Senador José Bento, Doutor Garcia Coutinho e Avenida Duque de Caxias.


Esses trechos devem receber troca de pavimento, alargamento de calçadas, instalação de equipamentos urbanos, arborização, faixas elevadas e semáforos.


O financiamento

A operação de crédito se deu por meio do Programa Protransportes/Avançar Cidades-Mobilidade, do Ministério do Desenvolvimento Regional (inicialmente as obras constavam em seleção do extinto Ministério das Cidades, ainda sob o governo de Michel Temer).


Os recursos vêm do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS), tratando-se de uma operação de crédito feita pelo município e aprovada pela Câmara de Vereadores. O financiamento prevê 240 meses para amortização, sendo 48 meses de carência e juros de cerca de 9% ao ano.

Editado por Capitólio Ass. E. R. Públicas
Redação: (35) 3422-2653
redemoinho24@gmail.com
Comercial: (35) 99931-8701 | (35) 3422-2653
comercialredemoinho24@gmail.com