Volta antecipada: feira livre no pátio da rodoviária retorna no domingo

Força-tarefa teria garantido retorno antecipado em um mês com liberação da Vigilância Sanitária, que interditou o local no dia 17 de abril. Previsão inicial de retorno era de 40 dias. Na volta, só poderão ser comercializados hortifrutigranjeiros e gêneros alimentícios in natura


Interditada pela vigilância sanitária na última semana, espaço que recebe a feira passou por adequações


A Prefeitura de Pouso Alegre acaba de anunciar que a feira livre realizada no pátio da rodoviária estará de volta no domingo, 26. O retorno é uma antecipação, já que, há uma semana, a administração havia informado que o local passaria por adequações pedidas pela Vigilância Sanitária Municipal, que interditou o espaço no dia 17 de abril. Até então, a previsão era que a feira não se realizaria no local pelos próximos 40 dias.


De acordo com a Prefeitura, "as atividades serão possíveis graças ao atendimento das exigências formuladas pelos órgãos de saúde pública, sendo uma delas a reforma dos sanitários disponibilizados ao público e feirantes".


No informe que enviou à imprensa, a administração não deixa claro como foi possível antecipar tanto a volta das atividades, ação que conta com a autorização expressa da Vigilância Sanitária, que já teria vistoriado o local.


O R24, no entanto, apurou que foi realizada uma força-tarefa para permitir o retorno antecipado da feira. A ação foi uma resposta à repercussão negativa que o anúncio da suspensão por 40 dias, feita na última semana, gerou entre os feirantes. A exploração do tema pela oposição à administração Simões também gerou desconforto na Prefeitura.


Interdição

Na sexta-feira, 17, o local foi totalmente lacrado pela Vigilância Sanitária, que pediu adequações para o retorno da feira. A Secretaria Municipal de Agricultura e Abastecimento anunciou as obras para a semana seguinte. De acordo com a pasta, estavam "incluídas reforma dos sanitários e adequações dos box de comércio de carnes".


Retorno com restrições

Como ocorre em quase todos os setores que estão, aos poucos, retomando as atividades em meio à pandemia de coronavírus, a feira livre também terá algumas restrições:


> No local será permitida somente a comercialização de hortifrutigranjeiros e gêneros alimentícios in natura.


> Demais comércios e serviços, como de eletrônicos, utensílios domésticos, brinquedos e artigos de vestuário continuarão vetados para que não contribuam com a formação de aglomerações.


> A praça de alimentação vai funcionar sem autorização para consumo no local, conforme as recomendações dos órgãos de saúde para enfrentamento da pandemia do Coronavirus.


> Quanto aos boxes onde são comercializadas carnes e produtos de origem animal poderão funcionar apenas aqueles que tiverem cumprido as normas sanitárias.

Editado por Capitólio Ass. E. R. Públicas
Redação: (35) 3422-2653
redemoinho24@gmail.com
Comercial: (35) 99931-8701 | (35) 3422-2653
comercialredemoinho24@gmail.com