Banners_Portal_Capitólio_750x160.jpg

Ao menos sete candidatos a deputado contam com apoio de vereadores

14/09/2018

O vice-prefeito Dr. Paulo e Bilac Pinto, candidatos apoiados pelo prefeito Rafael Simões, são quase unanimidade na base governista. Na oposição, Inácio Franco e Odair Cunha recebem maior parte dos apoios

 

Vereadores apoiam pelo menos quatro candidatos a deputado estadual e outros três a deputado federal 

 

 

Na última eleição nacional, em 2014, os pouso-alegrenses votaram em nada menos que 418 candidatos a deputado estadual e outros 372 candidatos a deputado federal. Em 2018, se depender de seus principais representantes políticos locais, os vereadores, as opções seriam limitadas a sete nomes. Dois deles têm apoio massivo da base governista, o vice-prefeito Dr. Paulo (PATRIOTA), para estadual, e Bilac Pinto (PR), para federal. Entre os vereadores que se declaram independentes e oposicionistas, outros cinco nomes recebem apoio. Para a assembleia: Inácio Franco (PV), Toninho Andrada (DEM) e João Vitor Xavier (PSDB); para a Câmara Federal os apoios declarados vão para: Lafayette Andrada (PRB) e Odair Cunha (PT).

 

O quadro não difere muito das últimas eleições. De um lado, a base governista praticamente fecha apoio aos candidatos chancelados pelo prefeito Rafael Simões (PSDB). Do outro, a oposição tem um quadro um pouco mais fragmentado, embora a forte bancada do PV, que detém três cadeiras na Casa, acabe trazendo uma unidade maior do que poderia se supor, especialmente em torno de Inácio Franco. Já o petista Odair Cunha, que na última eleição era o candidato apoiado pelo então prefeito Agnaldo Perugini (PT), recebe apenas duas menções do grupo.

 

Discurso do 'deputado da terra' perde força

 

Se nas últimas eleições, as lideranças políticas locais pregaram de forma incisiva o chamado voto no ‘candidato da terra’, nesta eleição, o discurso foi remodulado. Esta reportagem ouviu 12 dos 15 vereadores. Destes apenas cinco defenderam de forma direta a origem do candidato como motivação para o voto; três relativizaram a questão, avaliando que o mais importante é detectar o candidato que de fato tem compromisso com a cidade; outros quatro sequer consideraram a origem relevante. Para estes, vale escolher aquele que irá ajudar a cidade na prática, com o envio de recursos por meio de emendas parlamentares, por exemplo.

 

O reposicionamento não pode ser visto apenas como uma forma de justificar os apoios cedidos a candidatos que possam parecer distantes da cidade, mesmo entre a base governista o discurso do ‘candidato da terra’ não encontra a ressonância que se poderia esperar. A frustração com as últimas eleições pode explicar em parte esta mudança de raciocínio. Candidatos como Virgília Rosa (em 2010) e Raphael Prado (em 2014), apesar de ultrapassarem a barreira dos 20 mil votos na cidade não conseguiram ser eleitos.

 

Para o líder do governo na Câmara, Rodrigo Modesto (PTB), uma votação expressiva em Pouso Alegre é essencial para que se eleja um representante local, mas é preciso ir além. “O início é muito difícil, por isso sair de Pouso Alegre com uma votação grande é importante. Uma vez eleito, naturalmente fica aberto o caminho para a consolidação de uma liderança regional”, avalia.

 

Quem apoia quem

 

O vereador André Prado (PV) declara apoio a Inácio Franco (PV), estadual, e Odair Cunha (PT), federal. Segundo ele, o petista é o deputado com mais trabalho prestado em Pouso Alegre nos últimos 12 anos. Já Inácio Franco “tem trazido emendas importantes pra cidade como campo da árvore grande, verbas para fanfarras das escolas estaduais e complexo de lazer do São João, além de carros para associações de bairro”

 

 

 

 

 

Arlindo Motta (PSDB) apoia o vice-prefeito Dr. Paulo (PATRIOTA), estadual, e Bilac Pinto (PR), federal. Na avaliação do parlamentar, o vice-prefeito pertence ao grupo que recuperou a credibilidade política de Pouso Alegre. “O Dr. Paulo foi o escolhido pelo grupo para representar-nos. Precisamos ter uma voz em Belo Horizonte”. Para ele, Bilac Pinto é quem tem estendido a mão para a cidade “dentro do hospital regional, bem como em todos os projetos”.

 

 

 

Bruno Dias (PR) também apoia o vice-prefeito Dr. Paulo (PATRIOTA), estadual, e Bilac Pinto (PR), federal. Ele defende que Pouso Alegre “não tem mais condições políticas de ficar sem um deputado estadual da cidade”. Além, disso garante que conhece Dr. Paulo há muitos anos: “É uma pessoa idônea, que tem facilidade de dialogar, inclusive com as oposições. É uma pessoa séria, de moral ilibada”.

 

 

 

 

 

 

Campanha (PROS) deu seu apoio aos irmãos Toninho Andrada (DEM), estadual, e Lafayette Andrada (PRB). “O mais importante, hoje, é o deputado trazer para a cidade as emendas, as proposituras que possam melhorar a vida dos nosso munícipes”, defende. Para ele, que garante conhecer bem o trabalho de Toninho e Lafayete, os irmãos têm condições de trazer muitos recursos para o município.

 

 

 

 

 

 

Dr. Edson (PSDB) definiu o apoio ao tucano João Vitor Xavier depois de consulta ao partido. Além da capacidade que ele enxerga no político que está em seu segundo mandato na Assembleia, ele lembra que Xavier, secretário estadual do PSDB, foi decisivo para garantir a candidatura de Rafael Simões na eleição municipal, quando uma disputa interna com Chico Rafael quase tirou Simões do pleito.

 

 

 

 

 

O presidente da Câmara, Leandro Morais (PPS), declara apoio ao vice-prefeito Dr. Paulo. “Estou com ele por acreditar que ele reúne os requisitos para representar bem Pouso Alegre. Eu tenho certeza que será um excelente deputado para nossa região”, afirma. Para deputado federal, ele conta que “o partido se reuniu e definiu apoio a Bilac Pinto”.

 

 

 

 

 

 

Professora Marileia (PSDB) também defende a candidatura do vice-prefeito Dr Paulo como aquela capaz de converter um representante de Pouso Alegre. “O Dr. Paulo é o nosso candidato de Pouso Alegre. Precisamos ter um representante. Espero que o povo perceba isso”, avalia. Para deputado federal, informa que ele tem “um compromisso com Bilac Pinto”.

 

 

 

 

 

 

Odair Quincote (PR) conta que o PR fechou questão por Dr. Paulo. “Por ele ser aqui da nossa cidade, já foi vereador dessa Casa e hoje faz um belíssimo trabalho como vice-prefeito. Queremos tê-lo como representante na Assembleia”. Ele também defende o nome de Bilac Pinto, em especial, por conta das emendas que “ele enviou para a cidade”.

 

 

 

 

 

 

Oliveira Altair (MDB) lembra a origem de Dr Paulo, “ele foi criado comigo no bairro São Geraldo, é uma pessoa que a gente conhece, que tem um carinho especial por ele; e Pouso Alegre está há 20 anos sem um deputado, hoje o nome dele é o nome mais apropriado para se eleger”, avalia.

 

 

 

 

 

 

 

Rafael Aboláfio (PV), a exemplo de seus colegas de partido, declara apoio a Inácio Franco para a Assembleia. Para a Câmara Federal, seu nome é Odair Cunha, a quem já apóia há algum tempo. “Estamos imbuídos para que ele continue esse trabalho que ele tem feito com tanta maestria, dedicação e empenho”, defende.

 

 

 

 

 

 

 

Rodrigo Modesto (PTB), líder do governo na Câmara, assegura sua escolha a partir do conhecimento que tem de Dr. Paulo e Bilac Pinto. “Eu conheço os dois de longa data. Bilac já é um deputado federal consagrado, tem uma fama de bom deputado, um deputado ficha limpa… e Dr. Paulo já foi vereador em nossa cidade, é o vice-prefeito e, mais que isso, nós temos um compromisso com o prefeito Rafael Simões de apoiar deputados que venham atuar diretamente no município para trazer investimentos”, analisa.

 

 

 

Wilson Tadeu Lopes (PV) é outro membro do Partido Verde que declara apoio a Inácio Franco. Amigo do candidato há mais de 10 anos, ele cita a série de emendas garantidas pelo parlamentar para a cidade com destino ao Esporte, associações e escolas. Quanto ao cargo de deputado federal ele se declara neutro.

 

 

 

Compartilhar no Facebook
Compartilhar no Twitter
Please reload

Please reload

Em Pouso Alegre e região: Minas Segura prende 6 em 56 operações

28/01/2020

Prefeitura faz recapeamento de 54 ruas no São João

28/01/2020

1/15
Please reload

Avenida Dr. Lisboa, 334, Sala 2
CEP: 37550-110 | Pouso Alegre (MG)
Comercial: (35) 99931-8701 | (35) 3422-2653
comercialredemoinho24@gmail.com
Redação: (35) 3422-2653
redemoinho24@gmail.com
Editado por Capitólio Ass. E. R. Públicas