Banners_Portal_Capitólio_750x160.jpg

Mulher esquartejada teria sido morta por seu companheiro, que também matou a enteada

10/11/2018

Luiz Carlos Martins, de 47 anos, matou a mulher e a enteada a marteladas. O corpo da mulher foi esquartejado e dispersado por diferentes locais para dificultar sua identificação. O corpo da menina de 6 anos foi jogado em uma fossa

 

As pernas que podem ser de Lucileide foram encontradas na tarde de terça-feira (6) às margens da rodovia MG-179, por um trabalhador rural.

 

 

Tudo indica que o bárbaro assassinato de uma mulher que teve partes do corpo encontradas esta semana às margens da MG-179 foi praticado por seu companheiro, Luiz Carlos Martins, de 47 anos. Ele teria confessado o crime à Polícia Civil. Martins foi preso neste sábado em uma chácara na zona rural de Silvianópolis. A mulher que teve o corpo esquartejado é Lucileide Assis Barbosa , de 26 anos.

 

O caso já horrendo se torna ainda mais cruel: além da companheira, Martins teria matado também sua enteada, Bruna Carla Assis Passos, de apenas 6 anos. O crimes ocorreram em Silvianópolis, provavelmente na noite de 27 de outubro, conforme narrou à polícia o suspeito. Os assassinatos teriam sido motivados por uma briga do casal.

 

O homem teria matado a mulher e sua enteada com golpes de martelo. O corpo da menina de 6 anos foi jogado em uma fossa na própria chácara. Já o corpo de Lucileide foi esquartejado e colocado em sacos. Martins colocou os restos mortais da copanheira no carro e jogo as partes em diferentes locais. 

 

As pernas foram jogadas as margens da rodovia MG-179 (estas localizadas na última terça, desencadearam a investigação do crime que levou a polícia até Luiz Carlos), em São João da Mata. O tronco e um braço foram jogados numa fazenda no município de Carvalhópolis. A cabeça e outro braço foram jogados em um rio.

 

O corpo da menina foi localizado pela polícia neste sábado. As buscas pelas demais partes do corpo de Lucileide continuam agora com as coordenadas do suspeito.

 

Francileide era natural de Feira de Santana (BA) e veio para o Sul de Minas com a filha há sete meses morar com o suspeito, que é produtor rural.

 

Membros encontrados na rodovia

As pernas que podem ser de Lucileide foram encontradas na tarde de terça-feira (6) às margens da rodovia MG-179, por um trabalhador rural. Tatuagens presentes nos membros poderiam ajudar a polícia a identificar a vítima.

 

Desde o início, a polícia trabalhava com a hipótese de os membros pertencer a uma mulher. Os membros estavam em um saco plástico branco, sem sapatos ou roupas. 

 

 

Compartilhar no Facebook
Compartilhar no Twitter
Please reload

Please reload

Veja: grande volume de chuva e lixo provocam alagamento impressionante na Comendador

14/12/2019

Vigilância Sanitária monitora buffet onde teria ocorrido surto de intoxicação alimentar em Pouso Alegre

13/12/2019

1/15
Please reload

Editado por Capitólio Ass. E. R. Públicas
Avenida Dr. Lisboa, 334, Sala 2
CEP: 37550-110 | Pouso Alegre (MG)
Comercial: (35) 99931-8701 | (35) 3422-2653
comercialredemoinho24@gmail.com
Redação: (35) 3422-2653
redemoinho24@gmail.com