Banners_Portal_Capitólio_750x160.jpg

Prefeitura retira arvore com risco de queda na Duque de Caxias

15/04/2019

Planta é uma das duas árvores cuja supressão foi recomendada pelo Conselho Municipal de Defesa do Meio Ambiente por estarem podres e apresentar risco de queda. Um Ipê Rosa, localizado na João Pinheiro, também será retirado

 

 

A Prefeitura de Pouso Alegre realizou nesta segunda (15)  a retirada de uma árvore da espécie Sibipiruna que apresentava risco de queda. A planta localizada na Avenida Duque de Caxias, no canteiro da Praça do Imaculado Coração de Maria, é uma das duas árvores cuja supressão foi recomendada pelo Conselho Municipal de Meio Ambiente (COMDEMA) por estarem podres e apresentarem risco de queda, com possibilidade de ferir pessoas.

 

A segunda planta condenada é um Ipê Rosa, que será suprimido nos próximos dias da Praça João Pinheiro, em frente a Igreja de São Benedito. De acordo com a Prefeitura, o laudo do órgão ambiental recomenda o corte das platas, uma vez que elas apresentariam “brocas, presença de insetos, ramos secos, copa desfolhada e perda de grandes galhos”, ambas com o tronco em adiantado estado de apodrecimento.

 

O documento produzido pelo CONDEMA é assinado por seu presidente Rinaldo Lima Oliveira, que é também o secretário Municipal de Planejamento e Meio Ambiente da Prefeitura.

 

Ainda de acordo com o informe da Prefeitura, o COMDEMA apontou a queda de galhos do Ipê Rosa durante as últimas chuvas. Já a Sibipiruna apresentava "orifícios causados por insetos, com cavidades que envolviam de 50% a 70% do seu perímetro". 

 

O órgão apontou também o fato de as plantas de grande porte estarem localizadas em regiões de grande circulação de pedestres e veículos. "O que potencializa os riscos de acidentes até mesmo fatais e prejuízos materiais", diz a Prefeitura.

 

O método utilizado para determinar a retirada das árvores seria o do Profº Dr. Rudo Arno  Seitz (2006), estudioso referência  em recursos florestais e engenharia florestal. A análise de risco realizada envolve a avaliação da base, do tronco e da copa da árvore, mediante critérios técnicos, bem como os possíveis alvos próximos que podem sofrer danos, caso haja queda das respectivas árvores.

 

 

 

 

 

Compartilhar no Facebook
Compartilhar no Twitter
Please reload

Please reload

Centro universitário em Pouso Alegre dá bolsa de até 100% para quem tirou notão no Enem

20/01/2020

Unidade de saúde é invadida pela segunda vez no mês em Pouso Alegre

20/01/2020

1/15
Please reload

Avenida Dr. Lisboa, 334, Sala 2
CEP: 37550-110 | Pouso Alegre (MG)
Comercial: (35) 99931-8701 | (35) 3422-2653
comercialredemoinho24@gmail.com
Redação: (35) 3422-2653
redemoinho24@gmail.com
Editado por Capitólio Ass. E. R. Públicas