Banners_Portal_Capitólio_750x160.jpg

Mourão defende aeroporto de grande porte no Sul de Minas: Pouso Alegre é cidade com projeto mais avançado

21/11/2019

O vice-presidente da República esteve em Santa Rita do Sapucaí no final da manhã e início da tarde desta quarta-feira, 20. Fala sobre aeroporto foi feita quando o general analisava deficiências da infraestrutura do país. Nos últimos anos, Pouso Alegre tenta viabilizar um aeroporto internacional

 

Hamilton Mourão em visita à Helibrás, em Itajubá - Foto: Bruno Batista

 

 

O vice-presidente Hamilton Mourão defendeu nesta quarta-feira, 20, em Santa Rita do Sapucaí que a região Sul de Minas tenha um aeroporto de porte. A afirmação do general se deu quando ele avaliava a infraestrutura brasileira em uma palestra no teatro do Inatel.

 

Segundo o presidente a infraestrutura deficiente é uma das causas da baixa produtividade brasileira, que leva o país a ter, por exemplo, uma logística pouco eficiente. "Nessa região, não temos um aeroporto de porte, precisamos ter", afirmou. 

 

A avaliação d Mourão joga luzes mais uma vez sobre o projeto de construção de um aeroporto internacional de cargas e passageiros em Pouso Alegre. Um dos poucos prefeitos da região presentes no evento, o prefeito Rafael Simões (PSDB), deu nova sequência ao projeto, que pretende conceder à iniciativa privada a construção e operação do aeroporto, em 2017, por meio de uma Procedimento de Manifestação de Interesse (PMI). 

 

A medida permitiu que empresas fizessem um estudo para readequar o projeto anterior, elaborado na gestão Perugini, que chegou a publicar um edital de concorrência internacional em 2016, mas a falta de interesse de investidores impediu que o projeto decolasse. 

 

Um dos entusiastas do projeto, o empresário Dino Francescato, deixou a pasta de Desenvolvimento Econômico no início do mês, mas o R24 apurou que ele deve seguir atuando no projeto. Foi à pasta, sob o comando de Dino, que a Engibrás Engenharia entregou em abril de 2018 o mais recente estudo de viabilidade para o aeroporto.

 

O estudo foi feito no âmbito do PMI, sem custos para o município. A empresa que o elaborou seria ressarcida futuramente pela empresa vencedora da licitação para concessão do projeto. Vale lembrar que as novas diretrizes para o aeroporto já possuem anuência da Secretaria Nacional de Aviação Civil (SAC), que concedeu a outorga do aeródromo ao município em maio de 2015.

 

Seguem na Prefeitura os estudos para nova tentativa de atrair investidores para investir no aeroporto internacional de Pouso Alegre. Projeto já chegou a ser avaliado em mais de R$ 500 milhões para uma área de 400 mil metros quadrados - Foto: reprodução/divulgação

 

A reavaliação do projeto seria uma tentativa de corrigir supostos equívocos cometidos no projeto anterior, que teria afastado investidores. Porém, desde então, o projeto não teve novos avanços.

 

A fala do vice-presidente nesta quarta-feira pode dar novo ânimo ao projeto, mostrando que o Planalto pode ser um aliado na empreitada, especialmente em um contexto em que o estímulo às parcerias público-privadas é um dos motes de Paulo Guedes, o ministro da Economia, para reativar os investimentos em infraestrutura.

 

Mourão no Sul de Minas

Mourão encerrou na manhã e início da tarde desta quarta-feira uma visita de dois dias pelo Sul de Minas. Ele desembarcou na região no início da tarde de ontem, no 4º Batalhão de Engenharia de Combate (BEC), em Itajubá. Ele passou o dia na cidade sul-mineira com visitas a hangares da Helibrás e às instalações da Universidade Federal de Itajubá (Unifei).

 

Já na manhã desta quarta, ele se deslocou para Santa Rita do Sapucaí. No Vale da Eletrônica ele visitou as instalações do Inatel e proferiu uma palestra no teatro da instituição. De Santa Rita do Sapucaí, Mourão partiu para São José dos Campos (SP), onde fez outra palestra a convite da Loja Maçônica Arca da Aliança Número 33. Da cidade paulista, o vice-presidente retornou a Brasília (DF) no início da noite.

 

Ovacionado no Inatel

O general da reserva foi ovacionado pelos presentes quando seu nome foi anunciado pelo mestre de cerimônias do Inatel, no final da manhã desta quarta-feira. Mourão foi recebido de pé pela platéia, formada principalmente por professores, estudantes e colaboradores da instituição.

 

Na abertura do evento, compuseram mesa ao lado do vice-presidente o vice-governador de Minas Paulo Brant, o secretário de governo Bilac Pinto e o diretor do Inatel, Carlos Nazareth. A palestra de Mourão durou pouco mais de 40 minutos e teve como tema principal o desenvolvimento nacional.

 

 

 

Compartilhar no Facebook
Compartilhar no Twitter
Please reload

Please reload

Veja: grande volume de chuva e lixo provocam alagamento impressionante na Comendador

14/12/2019

Vigilância Sanitária monitora buffet onde teria ocorrido surto de intoxicação alimentar em Pouso Alegre

13/12/2019

1/15
Please reload

Editado por Capitólio Ass. E. R. Públicas
Avenida Dr. Lisboa, 334, Sala 2
CEP: 37550-110 | Pouso Alegre (MG)
Comercial: (35) 99931-8701 | (35) 3422-2653
comercialredemoinho24@gmail.com
Redação: (35) 3422-2653
redemoinho24@gmail.com