Banners_Portal_Capitólio_750x160.jpg

Feminicídio: o brutal assassinato que chocou a região esta semana

29/11/2019

Vítima de 39 anos estava com os pés e mãos amarradas. Principal suspeito é o ex-marido, contra quem ela tinha medida protetiva. Eles estavam em processo de partilha de bens

 

Mulher foi encontrada sem vida, embaixo da cama, com sacola na cabeça, mãos e pés amarrados - foto: Ilustração

 

Um crime horrendo chocou o Sul de Minas esta semana. Uma mulher de 39 anos foi encontrada morta embaixo da própria cama na quarta-feira, 27, em Itapeva, a 80 quilômetros de Pouso Alegre. Ela tinha mãos e pés amarrados e uma sacola plástica na cabeça. Suspeita-se que Silvana de Oliveira tenha sido morta asfixiada. 

 

O corpo foi encontrado na mesma semana em que é celebrado o Dia Internacional pela Eliminação da Violência contra a Mulher, em 25 de novembro.

 

O principal suspeito do crime é seu ex-marido. O homem de 41 anos já teria feito diversas ameaças à mulher, com quem discutia judicialmente a partilha de bens e a guarda dos filhos. Eles estavam separados há cerca de três meses. A situação entre eles era tão tensa que a vítima já havia conseguido uma medida protetiva, que o impedia de se aproximar dela.

 

A polícia encontrou evidências que podem ligar o ex-marido à morte. Seu carro foi encontrado em uma rua próxima a residência da mulher e, dentro dele, a polícia achou arames idênticos ao utilizado para amarrar a vítima. No veículo havia ainda ferramentas e um alicate.

 

Na casa da irmã do suspeito, que é vizinha da vítima, os policias ainda localizaram mais arame.

Abordado pelos policiais, o homem teria ficado em silêncio. Ele foi, então, encaminhado para a Polícia Civil, onde foi interrogado. Ainda não há informações sobre o seu depoimento.

 

A perícia da Polícia Civil esteve no local do crime e também recolheu as evidências localizadas durante as diligências. O corpo de Silvana seria sepultado no interior de São Paulo. Ela deixa dois filhos, um de menino de 10 anos e uma menina, de 6.

 

 

Compartilhar no Facebook
Compartilhar no Twitter
Please reload

Please reload

Veja: grande volume de chuva e lixo provocam alagamento impressionante na Comendador

14/12/2019

Vigilância Sanitária monitora buffet onde teria ocorrido surto de intoxicação alimentar em Pouso Alegre

13/12/2019

1/15
Please reload

Editado por Capitólio Ass. E. R. Públicas
Avenida Dr. Lisboa, 334, Sala 2
CEP: 37550-110 | Pouso Alegre (MG)
Comercial: (35) 99931-8701 | (35) 3422-2653
comercialredemoinho24@gmail.com
Redação: (35) 3422-2653
redemoinho24@gmail.com